YayBlogger.com
BLOGGER TEMPLATES

quinta-feira, 30 de novembro de 2017

Quem é ela?



Oi galera! Já faz um tempinho que eu não apareço por aqui sem nada novo, bem graças ao cansaço diário de todo dia e a falta de ideias para escrever, pensei retornar com a nossa tag Quem é ela? na expectativa de encontrar palavras para o próximo post, enquanto eu escrevo aqui. E claro não deixar vocês sem nada.
A escolhida da vez é a nossa querida Mariana, ranzinza quando lhe convém e divertida quase sempre com seu jeito humano de ser, para quem conhece é como conhecer um novo universo que ela te convida a conhecer. Este cheio dela, cheio das histórias dela, cheio descobertas, cheio...

1- Para início de conversa, ela escolheu viver da sua maneira, ela é diferente em tantas situações e posso dizer que apenas que é inefável, aquilo que não se pode descrever. Seja porque ela se destaca dos outros ou chame sua atenção por ser só. (essa foto está muito próximo e concreta da nossa personagem.)



2- Ela mantém seu lado durona de início para aqueles que não conhecem, mas quando se dá por si e os outros também, vocês dois já estarão conectados em uma boa conversa.



3- Sempre foi de não sorrir por parecer ser ranzinza, mas isso é um truque por motivos de esconder o seu melhor sorriso. Sortudos são aqueles que pegam de surpresa e podem ver.


4- Mariana acredita muito na força da natureza, no universo com as suas possibilidades e em suas pedras. 



5- Liberdade é uma parte sua, é o que a motiva viver cada momento dessa vida. Sendo assim, pode se surpreender constantemente com as coisas novas, pessoas novas e nas novas memórias sendo criadas agora. 



6- Bichanos são muito importantes para ti. 



7- Andando para cima ou para baixo para se divertir seja do seu jeito ou do dela, ás vezes ela precisa parar porque é fundamental ter seu tempo para si e poder ficar no seu silêncio.


8- Talvez você se depara com ela revirando os olhos como a Miley/Hannah Montana, sabe aqueles coisas que irritam, embora você esteja vivendo o melhor dos dois mundos ou viva na paz constantemente.

9- Ela te coloca para cima não importa o que aconteça ou em qual situação vocês estão nesse exato momento.


10- Quando perceber que ambas estão com confiança, vai ser uma surpresa ver ela se abrindo para você, porque ela guarda tanta coisa e ao lado dela pode ter certeza que você vai descobrir muitas coisas bacanas, assim como ela é uma pessoa bacana.



Então, pessoal esse foi o pouquinho que eu consegui demonstrar a ruiva e queria poder ter mais recuso para deixar ás claras o qual profundo, concreto, singular é os personagens, enquanto isso é meio complicado espero ter deixado vocês mais próximos dela. 
Que tal vocês escolheram a nossa outra garota dessa tag? Eu adoraria saber de vocês. E, é isso. Mariana para vocês e você para Mariana!


Notas



A nota de hoje é sobre o décimo capítulo. Bem, tivemos o capítulo anterior com a ligação inesperada de Harry para o celular da Larissa, convidando ela e as meninas para a reunião, e sendo hoje quinta- feira, vou soltar para vocês o que vem por aí. 
No final do capítulo nove, numa conversa entre Rebeca e Larissa no caminho até o endereço, vimos que logo depois de a porta se abrir e pela a visão da Beca, toda aquela ideia da sua amiga poderia sim ser inválida. Talvez por ter outros olhos para entender que toda essa história de tal garoto poder mudar diante dele. 

"Harry tinha um sorriso gracioso feito uma criança o que me fez balançar a cabeça negativamente ao mesmo tempo que ria ao recordar das palavras de Larissa á pouco." - trecho tirado do capítulo 9.

Antes de entrar no ponto principal dessa nota, não posso deixar passar batido o laço amistoso que está sendo formado entre os meninos e as meninas, acho que podemos ver isso. E aí que está. O próximo capítulo é mostrado nitidamente o que bons amigos fazem desde refletir o que outro possa está pensando e rirem juntos, como Bia e Mariana, ou ter uma conversa inesperada, como Juliana e Liam. Falando nesses dois finalmente teremos o primeiro contato de ambos e dar início o que vem por aí, visto que já foquei em outros possíveis casais, mas é claro sem deixar passar em branco eles dois. (foquem no capítulo Você vem? porque lá já tem uma pontinha, mal podem esperar)
Já dando nome as coisas, é melhor eu ficar por aqui para não deixar vocês munidos de todas as surpresas, e talvez depois de lerem e baterem aquela vontade de vim aqui, podem aparecer aqui embaixo nos comentários, pois estarei aqui ou lá no Wattpad interagindo com vocês.
Tomara que eu consiga escrever algo que deixam todos com aquela pulga atrás na orelha e curiosos pelas as falas dos personagens. (dedos cruzados)

sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Por dentro




Já dura exatos sete anos que eu sigo com o projeto (chamo de projeto porque sempre comparo com a planta de uma casa que pode sofrer alterações antes de ficar concreta) e já sofremos duas modificações por sempre surgir novas ideias mais a vontade de fazer com que a leitura seja de boa qualidade.
Mas nesse post eu não vim falar sobre as modificações e os bônus que BFY vem ganhando. É sobre todo processo que envolve qualquer história do começo, meio até o fim (mesmo que eu tenha minhas dúvidas sobre fazer isso direito e bom). Aqui vou contar quais foram os meus pontos chaves, onde me inspirei e a montagem.

Entendendo o universo
O universo da fanfiction não partiu de mim de primeira, foi mais pelo o fato de eu ser leitora das antigas de várias fanfics. Por lá eu pude entender o que era, como as pessoas faziam e quais assuntos poderíamos retratar.
E sendo assim me surgiu aquela pontinha de começar a unir as palavras e ver no que daria.

Enrendo
Comecei a pensar no que seria me inspirando em tantas histórias clichês, bem aqueles que muita gente pode julgar não só pela a capa, mas também com a sinopse. Eu nunca liguei para isso e visto que até hoje não mudei esse ponto, só que desde o esboço pensava em trazer algo diferente nos personagens tradicionais.
Então temos amigas que viajam para outro país que acabam se encontrando com seus sonhos e tudo parece ser um mar de rosas para elas, sem deixar de lado a famosa cafeteria starbucks que deve ter seu lugar reservado em um capítulo.

Decisões
As fanfics tem por característica retratar histórias com pessoas famosas misturando com outros personagens sem que sejam narrados por pessoas reais. No meu caso, acompanhei a explosão dos meninos da One Direction pelo o mundo todo e curtindo as suas músicas, só poderia ser eles.
Decidi contar uma vida antes de tudo acontecer e a possível vida normal que teriam antes da fama com o ingresso em uma Universidade em Wolwerhampton.

Inspirações
A história não poderia ter apenas cinco garotos e as meninas para contar tudo. Pensei na possibilidade de duas irmãs, outros dois meninos, um italiano e alguns problemas.
A maioria das inspirações para eles vieram por fotos ou novelas.

Divisões 
Na minha cabeça não tinha o montante de ideias que hoje eu tenho. Com um bocado eu comecei a escrever os primeiros capítulos e tendo a expectativa de como começaria, quais serias os eventos e o desfecho.

Começo: ida para Inglaterra e as bolsas para o ingresso na Universidade.
Meio: amizade construída com alguns eventos e o adversidades pelo o caminho.
. Fim: despedidas.

Então, este foi um post sobre o que tem por trás de toda história e espero que tenham gostado, e quem sabe mais para frente você comece a escrever assim como eu fiz ao ler.